Dicas08 Jan 2020

Pequenos vilões: alimentos e objetos.

Se você tem filhos ou trabalha com crianças, repetir nunca é demais: a atenção precisa ser constante! As crianças são um grupo de risco para o engasgo por dois grandes motivos. O primeiro está ligado à mastigação. Nos primeiros anos de vida, a criança não tem controle efetivo sobre a musculatura envolvida no processo de mastigação e deglutição, além de ainda não possuir os dentes molares, importantes na estrutura da trituração de alimentos sólidos. E como as vias aéreas da criança são pequenas e estreitas, não precisa ser algo grande para acontecer uma obstrução total.

O segundo motivo é por sua curiosidade. As crianças tendem a pegar tudo o que está a sua volta e constantemente levam estes objetos à boca, sem a noção do risco que correm.

Dados de 2015 levantados pela EBC indicam que, no Brasil, os alimentos responsáveis pelos engasgamentos na faixa etária de dois anos são o milho, o feijão e o amendoim. Na faixa etária dois quatro anos encontraremos as nozes, o amendoim, a pipoca, as verduras cruas e as balas duras como os vilões do engasgamento. Neste mesmo levantamento, os objetos sintéticos mais comumente relacionados aos casos de asfixia por engasgamento são os balões de borracha, as estruturas esféricas, sólidas ou não, como bola de gude e partes de brinquedos.

Quando a criança engasgar, é importante estar atento a como ela está reagindo. Caso ela esteja engasgada, mas tente conversar e esteja respirando, é necessário ajudar a criança batendo nas costas e fazendo-a tossir. Os pequenos ainda não têm um reflexo de tosse tão avançado quanto um adulto, por exemplo. Em situações de engasgamento, a tosse é a maneira natural do corpo se defender, por isso é importante estimulá-la entre as vítimas de engasgo. Caso a tosse não funcione, e os sinais de engasgo continuem se agravando, é o momento de manter a calma, buscar LifeVac e seguir os passos: Posicione, Pressione, Puxe. Para mais dicas como essa, continue acompanhando nosso blog!

Se você já passou por alguma situação semelhante no uso de LifeVac, envie o seu relato.

Essa atitude pode salvar vidas.

Todo conhecimento sobre
primeiros socorros é
importante e compartilhar
experiências reais pode
salvar vidas.

O seu depoimento está em processo de aprovação e você será avisado
por email quando seu poste será publicado.

posts RELACIONADOS

Dicas08 Jan 2020

LifeVac: O que é e como usar.

LifeVac é um produto não elétrico, não invasivo, usado para aspirar e remover corpos estranhos das vias aéreas em vítimas de engasgamento por alimentos ou objetos. É um dispositivo de primeiros socorros simples, eficaz e fácil de usar.

Para usar LifeVac não é preciso ser profissional da saúde ou receber treinamento especial: basta manter a calma e seguir as instruções de uso do produto.

O uso de LifeVac é muito simples: Ao notar que uma pessoa está engasgada, observe se ela consegue tossir ou falar. Caso não consiga, trata-se de uma clara situação de obstrução total das vias aéreas – a vítima...

Seu LifeVac08 Jan 2020

Conhecendo nossa história.

Por ser um produto único e inovador, é natural que as pessoas tenham muitas perguntas sobre LifeVac. E é para isso que estamos aqui!

Antes de entrarmos nos detalhes do produto, gostaríamos de falar um pouquinho de nossa empresa:

R9C Sterifarma

A R9C Sterifarma é uma empresa que existe há mais de 25 anos no mercado dedicando-se exclusivamente à saúde. Nossa história começa com a fabricação e venda de soluções customizadas de alta qualidade em materiais médicos estéreis e descartáveis aplicados diretamente aos procedimentos cirúrgicos e pós-cirúrgicos; passa pelo desenvolvimento de um portfólio...